Filosofia

No que acreditamos

Em nossa filosofia acreditamos que “não existe uma religião plena“, e sim em todas elas, seja ela qual for, desde que sua filosofia primordial seja o amor pregado pelo Nosso Mestre: “o amor ao próximo e a nós mesmos“.

Unimos conhecimentos em diversos campos, pois “O homem que diz ter fé e caminha fechado ao conhecimento, tende somente a fé cega, nada mais que isso, e muito pior quando é um dirigente ou sacerdote, porque impede o crescimento dos que o rodeiam.Anjo Negro (um dos amparadores espirituais da casa).

Sendo assim, utilizamos o Evangelho segundo o Espiritismo porque ninguém, que acredite ou não no mundo dos Espíritos, pode negar a luz ou pode fazer a negação dos ensinamentos ali contidos.

Aqueles formados no Kardecismo tiveram em seus mentais a instalação desta filosofia, ao qual agradecemos muito, pois caso contrário, poderíamos pensar que manipulando energias tão densas ao nosso bel prazer em detrimento de nossas necessidades pessoais estaríamos impunes de nossos atos, pensando no não acerto com a Consciência Cómica, pois Deus não pune ser algum, somos nós que na ânsia de expurgarmos os nossos erros travamos o crescimento espiritual e muitas vezes imploramos duras e penosas passagens, aonde algumas vezes conseguimos ultrapassar e outras vezes falhamos.

Gostamos das religiões de matrizes africanas pela possibilidade de atuarmos com os quatro elementos da natureza e os elementais neles contidos, tanto que em nossa caminhada todos aqui foram muito ajudados em algum momento pelo Candomblé e principalmente pela nossa querida e brazileirissima Umbanda, tendo alguns de nossos membros a formação de sacerdotes em casas renomadas.

Então tudo que nos ajuda a crescer, compreender e repassar bons hábitos deve ser estudado e aplicado, nos levando ao crescimento, primeiramente espiritual, pois com isso o crescimento mental e material será inevitável.